colunistas Seminário Social Good Brasil vai trazer Kriss Deiglmeier para discutir inovação - Acontecendoaqui

Seminário Social Good Brasil vai trazer Kriss Deiglmeier para discutir inovação

4 de setembro de 2013

kriss-deiglmeierO Social Good Brasil, que tem sede em Florianópolis, agendou para o dia 24 de setembro a segunda edição de seu Seminário anual promovido para discutir novas formas de utilizar a tecnologia para a inovação social. O evento vai ocorrer em São Paulo e poderá ser acompanhado gratuitamente e em tempo real no site da Social Good Brasil. Entre os parceiros do Seminário estão a +Social Good, rede global que busca estimular a criação de projetos de transformação social usando tecnologia, e a Fundação das Nações Unidas.

“O Social Good Brasil – e o Seminário – estão cada vez mais integrados a um movimento global que busca estimular o uso da tecnologia para a transformação social”, diz Fernanda Bornhausen, uma das idealizadoras do projeto no Brasil.

Esse ano o Seminário no Brasil vai acontecer em paralelo com o Social Good Summit New York, série de discussões sobre o assunto que ocorre em Nova Iorque, berço do movimento Social Good no mundo.

No Brasil, a programação do evento terá painéis temáticos e uma palestra especial com Kriss Deiglmeier, diretora do Centro de Inovação Social da Stanford University, hoje um dos principais polos mundiais de discussões sobre o tema. Com mais de 20 anos de experiência em gestão na área, Kriss desenvolveu o curso Inovação Social através da Responsabilidade Social Corporativa na conceituada escola de negócios de Stanford.

Além da palestra com Kriss Deiglmeier, os participantes do Seminário vão ouvir Paulo Castro, do Instituto C&A, e Françoise Trapenard, presidente da Fundação Telefônica Vivo, que vão falar sobre inovação social no Brasil e no mundo, e participar de painéis. São quatro as opções: Versões Brasileiras da Inovação Social nas periferias e favelas do nosso país; Qual o impacto social das campanhas e movimentos digitais?; O que os jovens nativos e cidadãos digitais querem da Educação Brasileira? e Como criar e gerar inovações sociais em empresas e organizações sociais?.

Quase vinte nomes já estão confirmados discussões. Entre eles estão Anderson França, organizador do TEDxMaré, na favela da Maré; Graziela Tanaka, que integrou a equipe de criadores da Avaaz, e Regina Célia Esteves de Siqueira, Superintendente do Centro Ruth Cardoso.



MAIS NOTÍCIAS DESTA EDITORIA