Prêmio Oxford de Design divulga vencedores

12 de Novembro de 2019

Primeiro Lugar vai para o Paraná

 

O projeto “Etéreo Amanhã”, inspirado na esperança que o amanhã traz, foi o vencedor da 5ª edição do Prêmio Oxford de Design. O autor foi Gabriel Felipe Sherer, de Foz do Iguaçu/PR, que receberá como prêmio R$ 7 mil e terá sua arte produzida em um aparelho de jantar para ser comercializado no e-commerce da Oxford.

 

Nesta edição foram mais de 600 inscritos, com 478 projetos aprovados, seguindo o tema “Que futuro você vê”. Durante o período de votação, 100 mil pessoas passaram pelo site e 20 mil votos populares foram computados. Nas redes sociais, esta edição do prêmio impactou mais de um milhão de pessoas.

 

Em segundo lugar foi eleito o conjunto “Empatia é o caminho”, de Taine da Silva Gonçalves, de Irenê/BA. De Vitória/ES, Rogério Toldo Macedo Campos conquistou o terceiro lugar com a arte “O futuro é uma astronave que tentamos pilotar”.

 

A competição foi realizada inteiramente pela internet e os projetos inscritos passaram por uma votação em três etapas: votação popular e avaliação pelos três vencedores da última edição, que selecionaram os 50 projetos finalistas, e a definição final pelo júri técnico, composto pelo artista pernambucano Derlon Almeida, a artista plástica e estilista Rita Wainer e a empresária Andrea Bisker. Todos os trabalhos podem ser vistos no site www.premiooxforddedesign.com.br.