Madre Mia Filmes tem duas produções em shortlist do El Ojo de Iberoamerica 2019

31 de Outubro de 2019

A produtora concorre com “Meu primeiro sutiã” em Digital & Social e “Ventríloco” em Filme

A Madre Mia Filmes concorre no El Ojo Iberoamerica 2019 com duas produções selecionadas em shortlists. São os filmes "Meu primeiro sutiã" em Digital & Social e “Ventríloco” em Filme.

O remake do filme “O primeiro sutiã a gente nunca esquece”, criação do publicitário Washington Olivetto de 1987, é uma homenagem ao original, entretanto, a protagonista do atual “Meu primeiro sutiã” (assista abaixo) é uma adolescente transexual. No filme, ela vive um rito de passagem, tratado com sutileza na percepção das transformações que acontecem com o seu corpo. Considera ainda, a questão da transfobia cujo primeiro ambiente de preconceito e hostilidade é o familiar. A direção é de Rafa Damy para a Associação Nacional de Travestis e Transexuais (ANTRA).

Já o filme "Ventríloco" (assista abaixo), criação da agência Propeg para empresa de enxaguante bucal Halitus, também com direção de Rafa Damy, trata de um problema de saúde bucal, a halitose de uma forma divertida e inusitada. Um homem acompanhado por um ventríloquo está em consulta médica e o boneco relata as situações que tem deixado o homem desanimado. Conta sobre as diversas situações do dia a dia em que as pessoas se afastam do homem como: numa apresentação que faz em um bar, na conversa com o garçom no balcão, no táxi, na cama com a namorada, no confessionário com o padre, na fila do carrinho de cachorro quente, no ponto de ônibus. Ao ouvir o relato, o médico faz o diagnóstico que é uma revelação divertida. 

 

 

 

Ficha Técnica – Meu primeiro sutiã

Mídia: ROIx  Content
Título: Meu primeiro sutiã
Campanha: Meu primeiro sutiã
Cliente: ANTRA - Associação Nacional de Travestis e Transexuais
Produtora: Madre Mia Filmes
Direção comercial: Telma dos Reis
Produção executiva: Edgard Soares e Rafa Damy
Direção de cena: Rafael Damy
Assistência de direção: Bárbara Aranega
Direção de fotografia: Guillermo Muse
Figurino: Cleber Lucin
Make hair: Miriam Kanno
Coordenação de produção: Ana Paula Domingues
Direção de produção:  José Alfredo Sahm
Produção: Janaína Mesquita
Coordenação de pós-produção: Alexandre Fernandes
Assistência de coordenação de pós produção: Gabriel Leça
Produtora de som: Cabaret
Montador: Rodolpho Ponzio
Finalizador: Poliana Pompeo
Correção de cor: Marla
Motion: Warriors e Willian Santos
Central de cópias: Pedro Viciti e Welthon Lopez
Produtora: Cabaret
Produção Musical: Guilherme Azem/ Leticia Medeiros
Compositor: Guilherme Azem
Mixagem e Finalização: Gab Scatolin
Atendimento: Ingrid Lopes
Coordenação: Verusca Garcia/ Junior Freitas
Locutor: Cassius Romero

 

Ficha técnica Ventríloco

Agência: Propeg
Cliente: Halitus
Título da campanha: Ventríloquo
CEO: Vitor Barros
CCO: Emerson Braga
Direção Executiva de Criação: Fabiano Ribeiro
Direção de criação:  Bertone Balduino
Direção de arte: Luiz Celestino
Criação: Emerson Braga, Rodrigo Bomfim, Bertone Balduino, Pedro Chequer, Ivo Adams, Rafael Damy
Conta: Michele Estevez, Poliana Andrade e Sarah Struijk
Mídia: Patrícia Seabra, Jamile Marques
RTV: Juliana Leonelli, Thais Leite, André Coni
Planejamento: Melina Romariz, Breno Carvalho e Luciano Alves
Aprovação: Maurício Duarte da Conceição
Produção: Madre Mia Filmes
Diretora Comercial: Telma dos Reis
Atendimento: Gisele Menezes
Filme diretor: Rafael Damy
Diretor de fotografia: Guille Musé
Produção Executiva: Edgard Soares
Coordenadora de produção: Ana Paula Domingues
Diretor de Produção: Dudu Lima
Coordenadora de pós-produção: Alexandre Fernandes
Assistente: Gabriel Leça
Edição: Alan Porciuncula
Finalização: Poliana Pompeo
Motion: Willian Santos
Color: Osmar Junior
Companhia de Som: Lira Musica
Som Direto: Gravação do ator - Felipe Pagnosin / Daiana Ribeiro
Maestro: Flavio Morgade, Dito Martins
Engenharia de som: Mateus Gageiro
Conta: Marcio Espinosa
Dublagem: Reinaldo Vilelah